Novembro azul é realizado na Central 1746

 10/11/2017 /   Notícias
Compartilhar:       Imprimir


A Central 1746 de Atendimento ao Cidadão realiza este mês a campanha Novembro Azul que tem o objetivo de incentivar a prevenção ao câncer de próstata e promover uma mudança de paradigmas em relação à ida do homem ao médico.

Esta sexta-feira (10) foi o dia D da ação na Central 1746. Os atendentes vestiram roupas azuis, a Central ganhou decoração com a cor que marca a campanha, um painel com a foto dos operadores, além de ações de conscientização aos colaboradores sobre o assunto.

O câncer de próstata é a segunda maior causa de morte em homens, no Brasil, segundo o Instituto Nacional de Câncer. Uma das vítimas da doença foi o amigo do atendente da Central 1746, Alexandre de Carvalho, 47 anos, que relembrou o caso.

“Perdi um amigo que ficou dois anos com câncer na próstata e morreu há dois meses. Eu já fiz o exame, mas há uma relutância muito grande por parte dos homens. Quanto mais informação tiver, melhor. E assim, isso vai se propagando de um para o outro. Com o tempo esse paradigma vai cair. O quanto antes descobrir, melhor”, alertou.

O atendente Pedro Rafael Ferreira, 20 anos, também vestiu a camisa azul e relembrou a perda do avô, vítima do câncer de próstata juntamente com outras doenças. Ele destaca a importância da campanha e a divulgação de informações sobre a prevenção.

“Os homens tem que ver pelo lado que prevenir vai ser um benefício para depois não sofrer com essa doença. Com o passar do tempo a gente tem que acordar e ver que não é questão de hombridade, tem que se prevenir”, disse.

Sobre a campanha

Em 2008, o Instituto Lado a Lado pela Vida foi pioneiro na abordagem de questões relacionadas ao câncer de próstata no Brasil para promover uma mudança de paradigmas em relação à ida do homem ao médico.

Quatro anos depois, inspirado pelo Movember, movimento internacional dedicado à conscientização e arrecadação de fundos na luta contra a doença, surgiu o Novembro Azul.

Por todo o Brasil, iluminações de prédios e monumentos, palestras, ações em locais de grande circulação de pessoas como estradas, estádios e autódromos e apoios de instituições e personalidades lembram a importância da realização de exames preventivos.

Sobre a doença

O Câncer de Próstata é o resultado de uma multiplicação desordenada das células da próstata. Quando há presença de câncer, a glândula endurece. Na fase inicial, o câncer de próstata não tem sintomas. Em 95% dos casos, eles aparecem em estágio avançado.

Portanto, exames preventivos frequentes são fundamentais para que a doença não seja descoberta em estado avançado. Homens a partir dos 50 anos de idade (ou 45, se houver casos de câncer de próstata na família), devem procurar um urologista anualmente para realizar os exames preventivos.

Veja também ...