menu
Acessibilidade

Rio inaugura primeira república para jovens, que fará encaminhamento ao mercado de trabalho

última modificação - 14/10/2021 às 5:56:24

Atualizado às 15h54

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, e a secretária municipal de Assistência Social, Laura Carneiro, inauguraram nesta quinta-feira (14/10), em Bangu, a república Junior Heleno Barros de Antão, a primeira exclusiva para rapazes de 18 a 21 anos. Em seguida, os dois foram conhecer a nova sede Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Yara Amaral, em Guadalupe.

A república Junior Heleno é destinada a jovens que não retornaram à família de origem nem conseguiram ser integrados a um novo lar ao completarem 18 anos, além de não terem um sustento próprio.

 

– Cada vez que temos a possibilidade de abrir um espaço como esse, sabemos que estamos salvando vidas e dando oportunidades, que essa rapaziada vai conseguir encontrar um futuro melhor e construir a sua família. Podemos, com essa república, dar oportunidade para muitos jovens – afirmou o prefeito.

 

A primeira república municipal vai abrigar quatro integrantes. Até 2024, a Secretaria de Assistência Social terá cinco unidades com esse perfil, totalizando 30 vagas. O espaço oferece moradia subsidiada e atendimento socioassistencial aos residentes.

 

– Estamos felizes de dar a esses jovens a possibilidade de reinserção na vida comum, de empregabilidade, inclusão e sustentabilidade. Aqui, eles são os donos da casa, vão se organizar, cozinhar, viver e depois continuar as suas histórias – disse a secretária Laura Carneiro.

 

O jovem vai receber formação profissional e encaminhamento para estágio – Beth Santos/Prefeitura do Rio

 

Na república, o jovem será capacitado para fazer escolhas e vai receber formação profissional e encaminhamento para programas de estágio. Acesso a atividades culturais e esportivas também farão parte da rotina. A unidade homenageia Junior Heleno, educador social da Casa Viva Bangu, que morreu de Covid-19 no ano passado.

 

– Essa república vai abrigar os jovens que mais necessitam de políticas públicas do governo. Essa parceria com a Assistência Social é uma felicidade enorme porque esses jovens precisam se sentir pertencentes a essa cidade e cada vez mais temos conseguido transformar a vida dessa juventude – declarou o secretário da Juventude, Salvino Oliveira.

 

Um dos jovens atendidos na república é Vinícius da Costa Rodrigues, de 21 anos. Na infância, ele morava noMorro do Urubu, em Piedade, mas ainda criança perdeu o pai e a mãe. Agora, tem esperança de dar um novo rumo à sua vida.

 

– Sempre vivi em abrigos, nunca tive uma oportunidade de trabalho e estudo. Agora vou aprender a ter independência, conviver com poucas pessoas numa casa. Quero ser barbeiro, formar uma família e conquistar uma casa – disse o jovem.

 

Os jovens terão acesso a atividades culturais e esportivas na república – Beth Santos/Prefeitura do Rio

 

Novo centro de assistência em Guadalupe

 

O prefeito Eduardo Paes e a secretária Laura Carneiro também participaram da inauguração da nova sede do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Yara Amaral, no Guadalupe Shopping. Esse tipo de unidade é a porta de entrada dos serviços da assistência social. De janeiro a setembro deste ano, as 47 unidades da cidade realizaram 710 mil atendimentos, número 28% superior ao registrado no mesmo período do ano anterior (507.132).

Transferido para o Guadalupe Shopping para dar mais conforto e segurança ao cidadão, o CRAS Yara Amaral realiza uma média mensal de 1.400 atendimentos a moradores de Ricardo de Albuquerque, Parque Anchieta, Mariópolis, Guadalupe, Marechal Hermes e parte de Anchieta.

Também acompanha 525 famílias pelo Serviço de Proteção e Atendimento Integral às Famílias (Paif) e tem 300 vagas no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), que desde a semana passada estão retomando, gradualmente, as atividades presenciais, depois de um ano e maio sendo realizados de forma remota por causa da pandemia. O Serviço de Convivência atende uma média mensal de 9 mil usuários em grupos de crianças, adolescentes e idosos.

Converse com a Central 1746 pelo WhatsApp

Importante:

O portal não funciona corretamente no Internet Explorer. Recomendamos a utilização de navegadores como o Chrome ou Firefox.

Baixe o app