menu
Acessibilidade

Informação

Informações sobre a rede de enfrentamento às violências contra a mulher

1 - O que é o serviço:
Rede de Enfrentamento à Violência tem como objetivo coordenar todos os serviços das três esferas governamentais (Federal, Estadual e Municipal) que atendem à mulher em situação de violência, com a oferta de atendimento integral.
No Rio de Janeiro essa Rede de Enfrentamento à Violência é composta por: serviços de saúde na atenção primária, saúde mental e atendimento especializado.
 
2 - Como solicitar:
- Ligar no telefone 180: A Central de Atendimento à Mulher -180 presta uma escuta e acolhida qualificadas às mulheres em situação de violência. A ligação é gratuita e o serviço funciona 24 horas por dia.
O serviço registra e encaminha denúncias de violência contra a mulher aos órgãos competentes, bem como reclamações, sugestões ou elogios sobre o funcionamento dos serviços de atendimento.
 
- Ligar no telefone 190: Em caso de emergência, a mulher ou alguém que esteja presenciando alguma situação de violência, pode pedir ajuda por meio do telefone 190. A ligação é gratuita e o serviço funciona 24 horas por dia.
Uma viatura da Polícia Militar é enviada imediatamente até o local para o atendimento.
 
- Ligar no telefone 197: Diante de qualquer situação que configure violência doméstica, a mulher pode registrar a ocorrência em uma delegacia de polícia, preferencialmente nas Delegacias Especiais de Atendimento à Mulher – DEAM.
Também é possível realizar a denúncia pela central de atendimento 197. A ligação é gratuita.
Um (a) policial vai te orientar e pode solicitar uma medida protetiva.
 
3 - Informações complementares:
Saiba que você não está sozinha! A Secretaria Especial de Políticas e Promoção da Mulher da cidade do Rio, conta com um serviço especializado no atendimento à mulher em situação de violência: o Centro Especializado de Atendimento à Mulher (CEAM) Chiquinha Gonzaga. Ligue (21) 2517-2726 ou pelo WhatsApp (21) 98555-2151.
 
O CEAM realiza atendimento e acompanhamento psicossocial e orientação jurídica à mulher em situação de violência doméstica e familiar.
 
Outros telefones:
- Núcleo Especial de Defesa dos Direitos da Mulher (NUDEM) - (21) 2332-6371 / (21) 2332-6370 (21) 97226-8267 (WhatsApp)
- Central Judiciária de Acolhimento da Mulher Vítima de Violência Doméstica (CEJUVIDA) - (21) 3133-3894 / (21) 3133-4144
- Centro Integrado de Atendimento à Mulher Márcia Lyra - (21) 2332-7200

Criado em: 06/08/2021

Atualizado em: 06/08/2021

Converse com a Central 1746 pelo WhatsApp

Importante:

O portal não funciona corretamente no Internet Explorer. Recomendamos a utilização de navegadores como o Chrome ou Firefox.

Baixe o app