menu
Acessibilidade

Informação

Fiscalização de reações adversas a produtos ou medicamentos

lock Anônimo

1. O que é o serviço:

Investigação de denúncias de eventos adversos e queixas técnicas associadas a produtos ou serviços e procedimentos.

 

2. Casos em que o órgão atua: 

Importadoras, distribuidoras, farmácias, drogarias, farmácias de manipulação, laboratórios, clínicas e consultórios médicos e odontológicos sem internação, clínicas de fisioterapia, academias, salões de beleza, hospitais públicos e privados, clínicas públicas e privadas, Unidades de Pronto Atendimento (UPAs municipais e estaduais).

 

3. Casos em que o órgão não atua: 

Hospitais públicos e clínicas públicas do governo com internação, de gestão estadual, não são fiscalizados pelo município. Nestes casos, procure a Secretaria Estadual de Saúde (Rua México, 128, Centro).

 

4. Informações necessárias para abertura do chamado: 

•Endereço completo, atividade, nome e horário de funcionamento do estabelecimento

•Identificação completa do produto (produtos industrializados: nome, fabricante, nº lote / produtos manipulados

•Nome da pessoa que conta na receita do produto manipulado, nº do registro que consta na receita do produto manipulado, nome do produto manipulado, data de fabricação, data de validade e composição)

Para os casos de uso excessivo de Formol: nome do procedimento ou produto utilizado.

 

5. Prazo de atendimento: 

Em até 3 dias úteis. 

Criado em: 27/06/2018

Atualizado em: 16/07/2020

Converse com a Central 1746 pelo WhatsApp

Importante:

O portal não funciona corretamente no Internet Explorer. Recomendamos a utilização de navegadores como o Chrome ou Firefox.

Baixe o app